27 de mai de 2010

o Sol se abriu para mim.

Confesso: estou apaixonada.
E não quero pensar no que virá depois...
Não quero pensar se isso é bom ou ruim, nem se vou me fuder no fim...
Agora só quero sentir.

7 comentários:

  1. nós somos acostumadas a sofrer por antecipação... mas existe um segredo p/ ser feliz: amar primeiro e só deixar p/ sofrer depois, afinal, quem nos garante que iremos realmente sofrer ou que as consequencias serão somente coisas ruins?

    ResponderExcluir
  2. adorei!!!
    viver.. e não ter a vergonha de ser feliz,
    cantar a beleza de ser uam eterna aprendiz!!
    uhuuuuuu!!!

    ResponderExcluir
  3. Qualquer um deveria ficar alegre pra vc. Mesmo não sabendo qual é o escolhido, não consigo pensar o casal como uma opção de vida que só traz felicidade.

    O que faz sofrer as pessoas, é o vínculo que elas mantem com objetos e pessoas. Na hora de se desfazer, cai a ficha: sofrimento.

    Será que existe ume opção de se desvincular do mundo?

    ResponderExcluir
  4. Desabafo ao estilo Frida...
    ...certamente que Rivera iria dar um risinho escroto e canalha, tomar o último gole de tequila, virar as costas e sair pra "comer" alguma outra de saia...
    Frida adora uma reticência, ela gosta de se fuder, sente prazer artístico e sexual nisso... é uma típica neoromântica

    ResponderExcluir
  5. não neguinha... rivera lhe daria um sorriso terno... e eh isso que aumenta ainda mais sua escrotidão...porem eh nesse sorriso que frida se prende...

    ResponderExcluir
  6. hum... é verdade... então... analisando dessa forma, Frida é mais escrota que ele porquê ela é quem procura o sorriso terno que no fim irá fuder com ela, ela é quem corre atrás, quem estimula toda a canalhice que a machuca.
    ...acho que Frida fumava tequila!rsrsrss

    ResponderExcluir
  7. Que fudam então fumando tequila!!!!

    ResponderExcluir